Lei Aldir Blanc garante auxílio emergencial para artistas

Entenda como ela vai funcionar em Nilópolis

A Lei Aldir Blanc (Lei nº14.017/2020) foi sancionada dia 29 de junho pelo presidente Jair Bolsonaro, com objetivo de destinar recursos do Fundo Nacional de Cultura para a classe artística, como auxílio emergencial para para artistas, produtores, técnicos e demais participantes da rede produtiva artístico cultural, no período de pandemia. Ao todo, os recursos somam o valor de R$3 bilhões de reais a serem distribuídos entre o Distrito Federal, Estados e Municípios.

Aos municípios, o critério de divisão a ser utilizado será similar ao Fundo de Participação dos Municípios (FPM), isto é: 80% proporcional à população municipal e os demais 20% serão destinados a editais e prêmios para o setor cultural.

Os recursos destinados à classe artística de Nilópolis ainda não tem previsão de chegada, contudo, o cadastro dos artistas locais será realizado através do site da Prefeitura de Nilópolis, em www.nilopolis.rj.gov.br e na página da Cultura, no Facebook , a partir desta sexta-feira (03).

A Secretaria Municipal de Cultura está alinhando detalhes com as Secretarias Municipais de Fazenda, de Desenvolvimento Social, bem como com a Procuradoria Geral para o recebimento da verba federal.

Clique abaixo no link de inscrição para o auxílio emergencial:

https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSf4uYAAQONlMA2An_k0vZd-XW09vI_fB7UfX3nRwWCbpRVxnQ/viewform

Nilópolis: Celeiro de Artistas

Nilópolis sempre teve muito protagonismo no tocante à classe artística. O município foi pioneiro na Baixada ao criar a primeira Escola Municipal de Artes Dramáticas, a Antônio José – O Judeu, que formou gratuitamente centenas de crianças e jovens, sendo um exemplo emblemático a talentosa atriz Jéssica Sodré, hoje professora da escola, que atua em novelas e comerciais.

Além da Escola de Teatro, a Prefeitura mantém também escolas de artes plásticas, de dança, de música, cineteatro e sala multiuso na Praça dos Meninos do Cabral para atividades de fomento culturais, através de projetos de apresentação teatral gratuita.

Todos esses equipamentos culturais visam revelar talentos, formar e fortalecer cidadãos com pensamento crítico, mais participativos nos processos sociais e comunitários, que se valem da arte como instrumento transformador da realidade pessoal e de todos ao seu entorno.

Você pode gostar...

%d bloggers like this: