Festa Julina anima a aula das meninas da Escola de Dança de Nilópolis

Professora Valéria Brito ensina passos desse festejo popular e tira fotos com as alunas.

A inspiração veio das festas juninas e julinas. Meninas de cinco anos, como Ana Júlia e Isabela, estavam ensaiando passos desse tipo de festejo popular com a professora, a bailarina Valéria Brito, na Escola de Dança Anna Pavlova, em Nilópolis, na quinta-feira, dia 15 de julho. A aluna Ana Júlia lamentou porque o coronavírus atrapalhou suas aulas.

“A gente teve que parar com tudo. Eu fazia balé na minha escola e minha mãe me trouxe para cá, queria que eu conhecesse crianças novas”, disse ela, moradora de Nova Cidade. A colega Isabela garantiu que está gostando das aulas, que retornaram há um mês.

As aulas são no CIEP Professora Stella Queiroz, no bairro Frigorífico. A diretora Márcia Fernandes explicou que, em 2019, havia 350 alunas inscritas para as aulas de balé e jazz, com a pandemia da Covid-19, as aulas foram interrompidas. Por causa disso, não farão matrículas novas este ano.
Para cumprir as medidas de segurança sanitária, as crianças e adolescentes têm que seguir a distância de 1,5 metros de distância entre elas e são limitadas a grupos menores.

As crianças estão em boas mãos com a professora Valéria Brito. Responsável por uma área coreografada na Beija-Flor, onde realiza um trabalho de dança para a comunidade e proprietária de uma academia que leva seu nome, ela trabalhou por 16 anos no ‘Xou da Xuxa’ como assistente de Oswald Berry, primeiro coreógrafo da atração.

Preocupada com a inclusão social, ela também oferece em sua academia aulas para portadores de síndrome de down. Além disso, foi bailarina da cantora Wanessa Camargo, do Faustão e também da apresentadora Angélica.

Você pode gostar...