Alunas da Patch Apliquê tricotam pantufas para pacientes do Inca

Nesta terça-feira (27/7), as 12 alunas matriculadas na oficina de Patch Apliquê estavam na missão de ajudar pacientes internados no Instituto Nacional de Câncer – Inca, fazendo pantufas de crochê neste período de inverno.

Dentre as dezenas de oficinas promovidas pela Casa da Mulher Nilopolitana, o Patch Apliquê, técnica que aborda retalhos de materiais bordados em panos, ocorre nas manhas das terças-feiras, de 8h as 10h.

Além das oficinas, diversos encontros são promovidos durante o ano. São abordados temas como humanização no acolhimento à mulher vítima de violência, a mulher na contemporaneidade e seus direitos, entre outros. Na quarta-feira (28/7), a Casa fará o chá dos avós, às 14h, em homenagem ao dia dos avós. O número de pessoas será limitado.

Para se inscrever nas oficinas oferecidas pela Casa da Mulher Nilopolitana, é necessário ir até a casa, localizada na rua Antônio João Mendonça, nº 65, centro. O horário de atendimento é de 9h as 17h.

Você pode gostar...